Lançamento de Documento Fiscal no ERP

O que é o lançamento de Documento Fiscal no ERP?

 

Normalmente as Empresas possuem Documentos fiscais de entrada e documentos fiscais de saída. Os documentos fiscais de saída são menos complexos, uma vez que seu perfil fiscal é praticamente recorrente. Você configura o sistema de gestão (ERP) e os documentos fiscais são emitidos sucessivamente.

 

O ponto de atenção maior é no lançamento dos documentos fiscais de entrada. E o motivo é simples, enquanto os documentos fiscais de saída são praticamente repetitivos, no lançamento de documentos fiscais de entrada se faz necessário “interpretar” o documento fiscal, registrando-o sob o aspecto da sua Empresa.

 

Quando você emite um documento fiscal, você o faz sob a ótica da sua Empresa, mas quando este documento fiscal chega no cliente, ele precisa registrar internamente esse documento sob a ótica dele, e é aí que muita, mas muita gente mesmo se atrapalha.

 

Não é incomum encontrar registro de documentos fiscais onde o colaborador simplesmente “copiou” as informações destacadas na nota. É preciso uma análise minuciosa de todas as informações nela registrada, desde NCM, CST, CFOP, até cálculo de tributos e possíveis créditos e retenções fiscais.

 

Qual é a importância?

É no momento do lançamento do documento fiscal no seu sistema de gestão (ERP) que a sua Empresa está elaborando as obrigações acessórias.

 

Vou ser mais claro... Não é na virada do mês que seu setor fiscal elabora as obrigações acessórias (EFD-ICMS/IPI ou EFD-Contribuições). Na virada do mês ele “extrai” as obrigações acessórias do ERP, transformando-as em arquivo próprio para validação e transmissão.

 

Os arquivos SPED de sua Empresa são gerados DIARIAMENTE, operação a operação, através de cada informação registrada nos lançamentos dos documentos fiscais.

 

Por isso é fundamental ter uma equipe especializada em analisar o documento fiscal, e interpretar as informações nele contidas, apontando inconsistências e traduzindo para o enfoque de sua Empresa.

 

Como ele funciona?

Uma vez recepcionado o documento fiscal, e tendo a confirmação da operação pelo setor responsável, nossa equipe irá acessar seu sistema de gestão (ERP) e fazer os lançamentos necessários para que o registro deste documento fiscal seja correto e adequado.

 

Dependendo do volume de documentos fiscais de entrada que sua empresa manuseia, este lançamento pode ser diário, semanal, ou até mensal. Desta forma você otimiza o processo de escrituração fiscal, sempre com segurança e tempestividade.

Como podemos lhe ajudar?

Realizamos o lançamento dos documentos fiscais de entrada em seu ERP, analisando as informações e interpretando as operações sob o enfoque da sua empresa.

 

Assim, você terá a tranquilidade de contar com especialistas fiscais analisando seus documentos, e registrando corretamente em seu ERP.

 

Conte conosco para garantir uma comunicação mais eficiente com o fisco.